terça-feira, 31 de dezembro de 2013

“Vamos A La Playa oh o-o-o-oh”


Crédito da foto: sindicatodosmotoristas.com.br 

Todo “feriadão” (e até em feriadinhos e finais-de-semana) as pessoas se descabelam rumo à praia.

“Vamos a la playa oh o-o-o-oh”.

Os cariocas se descabelam para a região dos Lagos, um dos lugares mais feios e cafonas que conheço.

Outros brasileiros se descabelam para a “cidade maravilhosa” e para suas praias hiperpoluídas.

Os paulistas se descabelam para Santos (tudo que tem praia pra paulista é Santos).

Os mineiros se descabelam para o Espírito Santo e suas águas geladas e comidas horrorosas.

Os nordestinos se descabelam para Natal, Recife, Fortaleza...

Os brasilienses e goianos se descabelam para o sul da Bahia.

Quanta criatividade!

Mesmices

Para fugir do cotidiano, para fugir da rotina as pessoas repetem seus cotidianos, criam novas-velhas rotinas.

Quanta criatividade!

Conheci - na verdade trabalhei com ela – uma jovem mãe – linda, por sinal – que todo ano, em janeiro, saia de Manaus rumo ao Rio de Janeiro.

E todo ano voltava reclamando das chuvas, das cheias e das enchentes.

E todo ano voltava reclamando que não pode “aproveitar o melhor do Rio” por conta das chuvas, das cheias e das enchentes.

Isso sempre me pareceu meio estranho. Pra falar a verdade, incompreensível.

Um dia, meio cansado de tanta reclamação, perguntei se ela já fora com a família para Recife ou para Fortaleza. Disse que não. Que nem conhecia.

Isso me pareceu meio estranho. Pra falar a verdade, incompreensível.

Num País que tem 9.198 km de litoral e milhares de praias, por que as pessoas sempre vão para os mesmos lugares nos feriadões, nos feriadinhos, nos finais-de-semana, nos finais-de-ano?

Isso sempre me pareceu meio estranho. Pra falar a verdade, incompreensível.

Num País que tem centenas e centenas de rios, cidades históricas aos pacotes, cachoeiras e cascatas aos borbotões, por que as pessoas sempre vão para os mesmos lugares nos feriadões, nos feriadinhos, nos finais-de-semana, nos finais-de-ano?

Isso sempre me pareceu meio estranho. Pra falar a verdade, incompreensível.

Mas, enfim, quem sabe seja esta a tal da criatividade do brasileiro na qual muita gente acredita (e até festeja).

Portanto, “Vamos A La Playa” -  http://letras.mus.br/righeira/32938/#selecoes/32938/.

Nenhum comentário:

Postar um comentário